Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
destaqueMAYR
Dia 12 de abril de 2017 | Por Mayra Ribeiro | Sobre Cultura e Notícias

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

 

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

Visando à acessibilidade cultural, a Agência Nacional do Cinema (Ancine) promoveu no final de março (28/03) o Programa de Apoio à Distribuição de Conteúdo Acessível de Exibição Cinematográfica 2017. Nesse projeto, serão destinados R$ 15.000 às empresas distribuidoras de filmes nacionais ou estrangeiros com até 20 salas de cinema para garantir que lançamentos de pequeno porte disponibilizem recursos de acessibilidade aos clientes com deficiência visual e auditiva até 30 de junho de 2018.

De acordo com a Ancine, os recursos de acessibilidade abrangidos na iniciativa são legendagem, legendagem descritiva, Libras e audiodescrição. Esses mecanismos devem ser construídos de modo individual, sem interferir na sessão dos demais espectadores.

Para conseguir o investimento, as distribuidoras interessadas devem solicitar a participação no programa pessoalmente ou por meio da produtora que está comercializando diretamente a obra. A exigência é que as empresas interessadas estejam com cadastro regularizado na agência.

Em entrevista ao site Agência Brasil, Manoel Rangel, diretor-presidente da Ancine, diz que o projeto foi idealizado para que todos os filmes cheguem até os brasileiros que necessitam de tecnologia assistiva. “A acessibilidade é uma questão civilizatória”, explica.

[/tab_item][/tab]

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+