Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
aplicativo-brasileiro-acessibilidade-ganha-premio-internacional-onu-abre-conexao-planeta
Dia 5 de agosto de 2019 | Por veronicajessica | Sobre Notícias
Banner intérprete (2)

Vivo disponibiliza para seus clientes o aplicativo de consulta e avaliação de acessibilidade

 

Em mais uma ação pautada pela diversidade e inclusão, a Vivo acaba de fechar uma parceria com o Guiaderodas, um aplicativo colaborativo para consulta e avaliação da acessibilidade de locais para pessoas com restrição de mobilidade. Com a iniciativa, a operadora passa a isentar a cobrança de dados de seus clientes ao usarem o app.

Disponível em iOS e Android, o Guiaderodas tem o objetivo de facilitar a vida de pessoas, por meio de uma avaliação rápida. Qualquer usuário consegue classificar o local visitado como acessível, parcialmente acessível e não acessível. O app pode ser baixado no link: http://bit.ly/appguiaderodas

Em outra ação, a operadora incorpora uma série de ações voltadas para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida no seu prédio sede em São Paulo, o Ecoberrini. O local passou por vistorias de arquitetos especialistas e pessoas com deficiência para avaliação de acessibilidade.  Além disso, as equipes de apoio que ficam no local, como seguranças, porteiros, bombeiros e recepcionistas, foram treinadas para atender esse público.

“Essa parceria reforça o conjunto de iniciativas da Vivo para nos tornarmos uma empresa cada vez mais inclusiva”, destaca Niva Ribeiro, VP de Pessoas da Vivo. Entre as ações, está maior divulgação das ofertas de vagas, desenvolvimento e retenção de profissionais com deficiência, e assinatura, em 2018, do Pacto pela Inclusão, movimento liderado pela Rede Empresarial de Inclusão Social, referência na promoção e empregabilidade de pessoas com deficiência.

No ano passado, a Vivo lançou o Programa Vivo Diversidade, com ações e políticas para acabar com qualquer tipo de discriminação de etnia, orientação sexual, gênero ou deficiência. O resultado dessas iniciativas ajudou a aumentar o número de profissionais com deficiência dentro da empresa, com um crescimento de 60% nos últimos 18 meses.

 

Fonte: Comunicação Corporativa Vivo

 

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+