Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
Foto_04
Dia 23 de janeiro de 2017 | Por Audrey Scheiner | Sobre Arte e Cultura e Exposições e Notícias

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

No dia 20 de janeiro, a Associação para Desenvolvimento, Educação e Recuperação do Excepcional (Adere), realizou um coquetel para lançamento de sua galeria. Em um espaço de 170 metros quadrados, cedido pelo Shopping Lar Center, em Santana, expõe os trabalhos realizados pelos jovens e adultos com deficiência intelectual, atendidos pela instituição, além de comercializar produtos da Adere Design, feitos nas oficinas pedagógicas, e revertendo o valor aos projetos de inclusão social e profissional que a organização realiza.

A inauguração também contou com os produtos da Adere Gourmet, como pães integrais, salgados, doces, pão de mel e chocolates. O espaço funcionará por três meses. “O mais importante é mostrar o trabalho artístico que os atendidos desenvolvem”, afirma Maísa Vieira Gazola, presidente voluntária, que está na Adere há 35 anos.

Segundo Maísa, a produção artesanal faz parte da terapia ocupacional. “A Adere atende 90 adultos com diferentes deficiências intelectuais. A nossa missão é inseri-los socialmente, dar trabalho e desenvolver as habilidades que eles têm. Além das habilidades manuais, trabalhamos com atividades lúdicas, como teatro, esportes e músicas. Temos um teatro maravilhoso que fala de sustentabilidades. Tudo o que é moda sustentável agora a gente já faz há 20 anos”, enfatiza a presidente. Patrícia Bueno, 31, é uma das atendidas da Adere e está na associação desde 2014. Com sua fala mansa, ela diz estar orgulhosa dos trabalhos artesanais que produz. “O que eu mais faço é oficina de marchetaria com cipó. Depois, mandamos para a marcenaria que temos perto da instituição. Eles fazem todo o processo de acabamento. Aí fica um trabalho bonito. Gosto também de fazer atividades socioeducativas como futebol”, comenta Patrícia.

Para a presidente da Adere, a galeria também tem como missão mudar o olhar das pessoas em relação às deficiências intelectuais. “A nossa proposta nesse espaço [galeria] é mostrar a capacidade que eles têm de produzir e fazer bonito; encher os olhos de quem veja. Que as pessoas percebam através disso não uma pessoa com deficiência intelectual, mas um artista em potencial. É muito interessante que nossos atendidos vejam a galeria como um resultado do trabalho deles. Isso mexe muito com sua autoestima e é um estímulo para mostrar que as limitações também geram artistas”, conclui.

Kleber Serrano, que trabalha na área comercial do Center Norte e do Shopping Lar Center, se diz encantado com o projeto. “Abraçamos a iniciativa desde o início. Nós captamos instituições que entendemos terem um cunho social importante para fazer uma parceria, por isso a Adere. Estou feliz, pois de alguma forma o trabalho vale a pena, além da questão comercial”.

Linha Gourmet

Realizado desde 2011, o projeto Adere Gourmet surgiu de um propósito para arrecadar dinheiro a fim de construir uma cozinha industrial na instituição. “Isso tomou uma grande proporção e foi crescendo cada vez mais. Hoje temos uma horta e começamos a fazer coisas a partir dela. Temos o projeto da padaria artesanal orgânica, oficinas e cursos para os nossos atendidos e para jovens em vulnerabilidade social nas redondezas da região”, relata Ana Carolina Fagundes Costa, 30, nutricionista, que trabalha há seis anos na associação. “Temos uma linha grande de produtos alimentícios, parcerias com empresas para coffee meeting, encomenda de bolos e doces para festas também. Isso ajuda na renda da Adere”, finaliza.

Segundo Maísa Vieira Gazola, presidente da associação, a empresa tem como foco se tornar mais independente do sistema de doações. “A nossa proposta maior, diante de todo trabalho que a gente faz com as artes e a Adere Gourmet, é nos tornarmos autossuficientes, para dependermos cada vez menos de doações e do poder público”.

De acordo com Maísa, as doações públicas representam só 26% da receita da instituição, o restante é resultado do trabalho deles. “Estamos aprimorando e diferenciando cada vez mais o trabalho. Nossos produtos são bonitos e bem acabados”, finaliza a presidente.

Veja fotos da Galeria Adere abaixo.

Galeria Adere

Av. Otto Baumgart, 500

2º Andar, Loja 315

www.adere.org.br

[/tab_item][/tab]

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+