Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
Natação-2
Dia 2 de setembro de 2019 | Por Tacila Saldanha | Sobre Notícias
Banner intérprete (2)

A quinta edição do Campeonato Mundial de Natação para Surdos aconteceu entre os dias 26 e 31 de agosto no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. A competição contou com 250 atletas de 29 países.

Ao final do Mundial, a Rússia se sagrou campeã com 44 medalhas, sendo 21 de ouro, 13 de prata e 10 de bronze. Já o Japão, segundo lugar no quadro geral de medalhas, levou 11 láureas: quatro de ouro, duas de prata e cinco de bronze. A Ucrânia fechou o pódio com 16 medalhas: três de ouro, nove de prata e quatro de bronze.

Com uma Seleção de seis atletas, a equipe brasileira conquistou duas medalhas, uma de prata e outra de bronze, número suficiente para ficar entre os 10 melhores da competição, em nono lugar.

No Brasil, o esporte para surdos é gerido pela Confederação Brasileira de Desportos de Surdos (CBDS).  Eles não integram o Movimento Paralímpico, por decisão do Comitê Paralímpico Internacional, (sigla IPC, em inglês), mas um acordo entre a CBDS e o CPB permitiu que o Centro de Treinamento fosse utilizado na semana passada, enquanto os atletas paralímpicos de alto rendimento estavam nos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+