Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS | Leitor de Tela
“Ver nem sempre é acreditar”  . Foto: d30n
Dia 11 de fevereiro de 2016 | Por Cintia Alves | Sobre Comportamento e Notícias

Conteúdo em Libras

Texto em Português

O designer americano Deon Staffelbach desenvolveu o projeto tipográfico voltado para cegos, visando a diversificação do mundo tátil em braile.

“Eu percebi que encontrava o braile apenas em fonte padrão (ponto), usado nos edifícios comerciais, hospitais ou sinalização de elevadores (…) Apesar das letras serem únicas, penso em algo totalmente diferente como fontes de escrita em braile”, confessa Deon.

Mesmo com formas básicas usadas pelo artista, as quais os cegos já estão familiarizados, elas tornam-se novidade por suas razões de acessibilidade, diversidade e inclusão.

A criatividade do designer chegou além com ideias de tatuagens, através da escarificação utilizada para o efeito tridimensional e alto-relevo.

Confira:

“Ame-se como você é” . Foto: d30n

“Ame-se como você é” . Foto: d30n

Fontes:

Constellation (Constelação), diferentes formas em relevo para representar o negrito.

Foto: d30n

Foto: d30n

"Luz da estrela, estrela brilhante, primeira estrela que vejo esta noite" . Foto: d30n

“Luz da estrela, estrela brilhante, primeira estrela que vejo esta noite” . Foto: d30n

Pyramid (Pirâmide), modelo diferenciado do famoso ponto.

Este exemplo é do Livro Egípcio dos Mortos e lê "Nem uma alma perfeita, eu estou me aperfeiçoando. Não sou um ser humano, estou a tornar-me um" . Foto: d30n

Este exemplo é do Livro Egípcio dos Mortos e lê “Nem uma alma perfeita, eu estou me aperfeiçoando. Não sou um ser humano, estou a tornar-me um” . Foto: d30n

Love (Amor), corações que poderiam ser usados no Dia dos Namorados, ou em outras datas; como cartões para pessoas com ou sem visão.

Foto: d30n

Foto: d30n

Por Cintia Alves

Fonte: d30n

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+