Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

Pequeninos, brincalhões e ótimos companheiros, os filhotes da raça labrador com pouco mais de 40 dias já têm uma nobre e importante missão: serão os olhos fiéis de pessoas com deficiências visuais. Para isso, os futuros cães-guia, aprendizes da Escola de Cães Guias Helen Keller, passarão por um período de cerca de um ano e meio de treinamento. Mas, antes de se prepararem para esse trabalho, a escola conta com a colaboração da comunidade para escolher sete nomes para os pequenos. Quem quiser participar deve enviar as sugestões hoje, 29, para o e-mail contato@caoguia.org.br.

dogs

Segundo o presidente da escola, Enio Gomes, por se tratar da segunda ninhada nascida lá dentro,  é importante que todas as sugestões enviadas comecem com a letra B. “Temos seis fêmeas e um macho aguardando ansiosamente por um nome que represente a missão tão especial que terão quando adultos. O ideal é que sejam nomes fortes, fáceis de serem pronunciados e que não tenham relação com nomes pessoais para evitar problemas na hora em que o cão for guiar”, relata.

dogsitos

As sugestões escolhidas serão divulgadas no dia 31 de março na página do Facebook da escola. Os vencedores receberão um certificado de participação no processo de nomeação do cão e se residirem próximos a Balneário Camboriú poderão tirar uma foto com o filhote como recordação.

Mais informações: www.caoguia.org.br/ ou pelo telefone 47-99712-0986.

[/tab_item][/tab]

Posts Relacionados