Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS | Leitor de Tela
(Da esquerda para a direita: Luiz Alexandre Ventura, Elza Ambrosio, Dr. Linamara Rizzo, Tuca Munhoz e Romeu Sassaki) / Crédito: Diego Helleno
Dia 8 de outubro de 2015 | Por Brenda Cruz | Sobre Revista

Conteúdo em Libras

 

Texto em Português

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo lançou, no dia 21 de Setembro, o Prêmio de Jornalismo Rui Bianchi, no Memorial da Inclusão localizado na Barra Funda em São Paulo.

Com o objetivo de incentivar os futuros jornalistas a refletirem sobre o seu papel na construção de uma sociedade inclusiva, a iniciativa premiará as melhores reportagens elaboradas de março a setembro de 2015 por alunos do 3° e 4° ano das graduações em jornalismo de todo país.

 Podem ser inscritas matérias nas categorias Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Webjornalismo e Radiojornalismo. As inscrições poderão ser realizadas pelo site http://premiodejornalismo.sedpcd.sp.gov.br até o dia 22 de outubro.

O Prêmio homenageia Rui Bianchi, falecido em 2001. Ativista na luta dos direitos da pessoa com deficiência, sua contribuição para esse universo foi buscando e divulgando constantemente informações sobre essa temática, pois acreditava que esta é a ferramenta mais eficaz para a transformação. Rui Bianchi era mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), autor da dissertação “Visão parcial da deficiência na imprensa: Revista Veja (1981-1999)”.

Elza Ambrosio, esposa de Rui, dá continuidade aos trabalhos desenvolvidos por ele, atualmente, coordena o Memorial da Inclusão. Recebeu com muita emoção e orgulho a homenagem do prêmio que leva o nome de seu companheiro.

Estiveram presentes no lançamento do prêmio: a Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, Dra. Linamara Rizzo Battistella; dois representantes da Comissão Julgadora do Prêmio: Romeu Sassaki especialista em aconselhamento de reabilitação e consultor de inclusão social – e Luiz Alexandre Ventura – jornalista e responsável pelo blog Vencer Limites –; e o Secretário Adjunto da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Tuca Munhoz, além de muitos familiares e amigos de Rui Bianchi.

A Dr. Linamara Rizzo, ressaltou que esse debate ajuda não apenas na construção do prêmio, mas na conscientização sobre a importância da formação do estudante. “Queremos que os jornalistas tenham essa perspectiva: de olhar o indivíduo antes da deficiência e ver que essa pessoa faz coisas, exige direitos e luta pelo acesso como todos nós”, declara.

“Nossa intenção é levar para esses estudantes a convicção da importância do que eles escrevem e o que eles trazem no debate tem muita força na mudança. Essa era a ideia do Rui e queremos passar isso a diante”, conta, emocionada, a secretária.

Por Brenda Cruz e Renata Lins

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+