Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
destque0d8Template-de-Notas
Dia 8 de maio de 2017 | Por Audrey Scheiner | Sobre Notícias e Tecnologia

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

“É muito ruim não ter informação sobre a acessibilidade dos estabelecimentos”. Para o administrador de empresas Bruno Mahfuz, 33, cadeirante há 16 anos devido a um acidente de carro, essa foi a principal motivação que o fez criar o aplicativo colaborativo guiaderodas, no ano passado. Através da geolocalização (GPS) qualquer pessoa, com deficiência ou não, pode facilmente avaliar a acessibilidade para pessoas com dificuldade de locomoção dos mais diferentes lugares.

Segundo Mahfuz, a avaliação da pessoa em relação a um lugar acessível ou não pode levar 30 segundos. “O objetivo do aplicativo é promover informações de qualidade para que pessoas com restrição de mobilidade possam planejar seus destinos com mais conforto e segurança e conscientizar a sociedade sobre a importância do tema”, comenta o administrador.

Mahfuz também relata que o programa pode ajudar estabelecimentos na melhoria de acessibilidades ou até mesmo promover o aumento de frequência de pessoas com deficiência no local. “Nenhum comerciante gosta de ter sua loja, restaurante e estabelecimento mal avaliado em nenhum local. Já tivemos bons feedbacks de estabelecimentos que, baseados em avaliações feitas no guiaderodas, modificaram suas estruturas para atender melhor seus clientes”.

Mafuhs diz que a repercussão do aplicativo é positiva para a melhoria de estabelecimentos de todo o país.

Mafuhs diz que a repercussão do aplicativo é positiva para a melhoria de estabelecimentos de todo o país.

Além de poder ser utilizado no país, o aplicativo serve para avaliar locais do mundo todo e os usuários não param de aumentar. “Os feedbacks são todos positivos; desde pessoas com dificuldade de locomoção, seus amigos e familiares, pessoas com idosos na família e simpatizantes da causa”, enfatiza Mahfuz.

Por ser um assunto de utilidade pública, diversos veículos divulgam a iniciativa. Além disso, o guiaderodas foi vencedor do WSA promovido pela ONU na categoria Inclusion and Empowerment. “Essa repercussão demonstra que a sociedade está cada vez mais atenta à importância da acessibilidade”, enfatiza o criador.

De acordo com Mahfuz, há muitos projetos a serem feitos em relação ao guiaderodas. “O aplicativo foi lançado no início do ano passado, com um escopo enxuto. A ideia é trazer novas funcionalidades ao longo do tempo para incrementar a experiência do usuário”. O programa também promove serviços em que são oferecidos treinamentos de acessibilidade atitudinal, projeto de consultoria de acessibilidade para empresas.

Por ter como base o Foursquare, o guiaderodas está disponível em português, inglês e espanhol para iOS e Android..

Saiba mais sobre o aplicativo no site www.guiaderodas.com.

[/tab_item][/tab]

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+