Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS | Leitor de Tela

Conteúdo em Libras

Texto em Português

No último dia 17, o Hospital Municipal do Campo Limpo, na zona sul de São Paulo, realizou uma ação para atender mulheres com deficiência e cuidadoras fazendo exames e conscientizando-as sobre o câncer de mama. Foram 44 beneficiadas pelo movimento “Outubro Rosa” que tem como parceiros as Secretarias Municipais da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Secretaria de Saúde, com a Sociedade Brasileira de Mastologia – SBM e o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência – CMPD/SP.

 O objetivo do projeto é facilitar o acesso à mamografia e, assim, detectar precocemente possíveis nódulos, encaminhando para o tratamento, se necessário.

As inscrições foram realizadas no dia 03 durante a abertura do Outubro Rosa no Shopping Frei Caneca, e o transporte até o Hospital Campo Limpo foi concedido pelo Serviço Atende, da Prefeitura de São Paulo.

Segundo informações do site da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, a primeira a realizar o exame foi Maria da Lapa Cavalcanti, 57 anos. Ela levou a irmã, que tem deficiência intelectual e fez questão de participar dessa ação “[…] embora eu já realize anualmente o exame, foi uma ótima oportunidade para ajudar a cuidar da saúde da minha irmã”, afirma.

A ação continuará até o dia 31 desse mês para as mulheres cadastradas. Os resultados serão entregues no dia 28 de novembro com acompanhamento de um médico mastologista. Aquelas que necessitarem de tratamento receberão encaminhamento.

Por Renata Lins

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+