Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela
Destaque
Dia 4 de junho de 2017 | Por Mayra Ribeiro | Sobre Comportamento e Notícias

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

botao_news botao_noticia

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

Porquinho da índia, coelho, cachorro, jabuti e até mesmo animais exóticos, tais como, arara azul, coruja e gavião, são muito mais do que apenas fofura e beleza. Os bichinhos são capazes de contribuir para o desenvolvimento motor e psicológico da pessoa com deficiência por meio de uma atividade conhecida como terapia assistida por animais. Esse foi o tema do Curso Pet, ministrado por Liana Santos, psicopedagoga e diretora da Gati Equoterapia. A palestra foi realizada hoje (04/06), último dia da Reatech – Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade que acontece no São Paulo Expo Exhibition & Convention Center em São Paulo.

Além dos benefícios da terapia assistida por animais para a pessoa com deficiência, uma das principais mensagens trazidas por Liana durante o seminário foi o fato de que cada bicho é adequado para uma demanda específica. “Uma ave de bico curvo é ideal para a pessoa que precisa treinar a linguagem. Enquanto que o jabuti é eficiente em casos de autismo porque, com a sua casca, mostra que é possível ficar recluso, mas também que podemos participar do mundo externo a nós mesmos. Por sua vez, o bicho-pau auxilia no aumento da atenção porque para existir a interação com o animal é preciso concentração”, afirma a diretora.

Outra questão abordada no seminário foi a consolidação da terapia assistida no Brasil. De acordo com a palestrante, essa prática não se solidificou completamente no país. “O meu desejo é que a terapia assistida seja consolidada no país como a terapia dos humanos. Mas isso não acontece. É dever dos atuais e futuros profissionais mudarem o cenário”

Na Reatech, os animais da Gati Equoterapia estão acomodados na Fazendinha. Confira abaixo a galeria de fotos feita pela Revista D+:

Por Mayra Ribeiro

Fotos: Bárbara Ribeiro

[/tab_item][/tab]

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+