Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS | Leitor de Tela
Pela mobilidade salutar
Dia 8 de dezembro de 2016 | Por Rosa Buccino | Sobre Comportamento e Idosos e Notícias e Saúde

[tab]
[tab_item title=”Conteúdo em Libras”]

 

[/tab_item]
[tab_item title=”Texto em Português”]

Acabou o tempo em que associar o envelhecimento às doenças crônicas era uma constante! Hoje, os hábitos salutares promovem o que pode ser considerada uma real inversão nos valores das pessoas idosas. Entram nessa lista questões prioritárias, como, a prática de atividades físicas e vários procedimentos propagados pela classe médica.

Myrian Spinola Najas, nutricionista, diretora do Núcleo de Estudos Clínicos em Sarcopenia (Necs) e professora da Disciplina de Geriatria e Gerontologia da Unifesp, anuncia que, com o aumento da expectativa de vida e o crescimento da população de idosos, a manutenção da saúde garante autonomia nessa fase da vida.

A nutricionista destaca ser essencial tratar de ossos e músculos de forma integrada em prol da funcionalidade global de locomoção do indivíduo e prescreve a inovadora suplementação alimentar Extima, composta de peptídeos bioativos de colágeno (BodyBalance), pois pode melhorar a qualidade de vida da população idosa e adulta, que sofre com a perda muscular e suas implicações. “Essa suplementação deve ser associada a exercícios físicos para impulsionar o aumento da massa magra corporal, fortalecer a musculatura e diminuir a gordura corporal”, orienta Renata Spallicci, diretora de assuntos corporativos da Apsen, laboratório farmacêutico responsável pelo produto.

 

_e5b7663

Renata Spallicci: suplementação e atividades físicas rendem benefícios da fase adulta à terceira idade.

[/tab_item][/tab]

 

 

Posts Relacionados

Assine a Revista D+