Referência em inclusão e acessibilidade!
ACESSO GRÁTIS| Leitor de Tela

Conteúdo em libras

Conteúdo em português

Estudantes da USP estão fazendo um projeto para auxiliar pessoas com deficiência a entrarem no mercado de trabalho. A iniciativa faz parte de uma competição chamada  Mayors Challenge 2016, promovida pela Bloomberg Philanthropies com a finalidade de resolver problemas urbanos.

A cidade de Barueri está entre as 20 finalistas do concurso e concorre aos prêmios de 5 milhões de dólares para a primeira colocação e prêmios de 1 milhão de dólares para outras quatro posições.

O projeto em questão é o dos alunos Murilo Pratavieira, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC), e dos alunos Ana Luiza Santos de Sá, Gabriela Nicoleti de Freitas, Guilherme Rocha Eller e Lucas Bello Gonçalves, do curso de Engenharia Civil da EESC.

A intenção, segundo eles, é desenvolver uma plataforma digital que analisa as condições dos locais de trabalho e presta assistência técnica aos empregadores e candidatos a emprego. A proposta é unir uma ferramenta tecnológica (plataforma digital) e uma equipe interdisciplinar para permitir o cruzamento de informações de vagas de trabalho com as habilidades vocacionais da pessoa com deficiência.

A proposta apresentada em Barueri foi avaliada segundo quatro critérios: visão, potencial de impacto, plano de implementação e a possibilidade de reprodução em outras cidades. Os finalistas participarão de um evento em Bogotá, na Colômbia, para melhorar ainda mais o projeto.

Por Renata Lins

Posts Relacionados

Acesse a Revista D+